sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

O segundo Mandamento




Vemos em Êxodo 20 a apresentação dos mandamentos que tem o intuito de mostrar o caminho que trará uma vida liberta das algemas do pecado que, na linguagem comum, é equivalente a "errar" ou não atingir um alvo...
Paralelo ao 1° mandamento, o segundo está no âmbito da Adoração. Quanto a esse tema, John Gill esclarece:

Requer que seja espiritual, adequado à natureza de Deus, sem qualquer imaginação carnal, ou representações externas da glória Dele (João 4:23, 24;. Fp 3:3). As partes do culto divino são: oração, louvor, pregação, audição da palavra e administração das ordenanças. Isso deve ser observado tal como foram entregues, ou seja, sem qualquer adição, corrupção e alteração deles (Dt 4:2; 1 Coríntios 11:2);
GILL, John. Resumo dos Dez Mandamentos.

Quanto às proibições contidas nesse mandamento, Gill comenta:

Proíbe toda superstição, adoração e tradições humanas, preceitos e mandamentos dos homens e proíbe qualquer coisa para a adoração de Deus que ele não ordenou, (Isaías 29:13, Mateus 15:8; Cl 2:20- 23) tais como: imagens, figuras e representações do Ser divino, e de qualquer uma das pessoas da divindade. De fato proíbe a imagem de qualquer criatura do céu, da terra ou do mar a fim de ser adorado ou utilizado para esse propósito (Dt 4:15-18, Atos 17:29; Rom 1:23). A proibição não é apenas para imagens de divindades pagãs, que eram para ser quebradas e queimadas, mas as de Cristo crucificado, da Virgem Maria, dos anjos e dos santos que já partiram e que são adorados pelos papistas (Dt 7:5; Ap 19:20). Nem todas as imagens, pinturas e esculturas são proibidas pelo mandamento, mas apenas aquelas utiliza8 www. p r o j e t o c a s t e l o f o r t e . c o m . b r das e feitas para o culto divino. As que são feitas para enfeite, para o uso da história ou para perpetuar a posteridade e a memória de homens e suas ações não devem ser proibidas, uma vez que havia imagens de coisas, de leões, bois e querubins no tabernáculo e no templo por ordem expressa de Deus (Ex. 25:18; 1 Rs 6:32, 7: 29).

GILL, John. Resumo dos Dez Mandamentos. Projeto Castelo Forte.

Enquanto Êxodo 20 destaca os 10 Mandamentos assim:

1 - Então falou Deus todas estas palavras, dizendo: Eu sou o Senhor teu Deus, que te tirei da terra do Egito, da casa da servidão. Não terás outros deuses diante de mim.
2 - Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam. E faço misericórdia a milhares dos que me amam e aos que guardam os meus mandamentos.
3 - Não tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão; porque o Senhor não terá por inocente o que tomar o seu nome em vão.
4 - Lembra-te do dia do sábado, para santificá-lo. Seis dias trabalharás, e farás toda a tua obra. Mas o sétimo dia é o sábado do Senhor teu Deus; não farás nenhuma obra, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o teu estrangeiro, que está dentro das tuas portas. Porque em seis dias fez o Senhor os céus e a terra, o mar e tudo que neles há, e ao sétimo dia descansou; portanto abençoou o Senhor o dia do sábado, e o santificou.
5 - Honra a teu pai e a tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na terra que o Senhor teu Deus te dá.
6 - Não matarás.
7 - Não adulterarás.
8 - Não furtarás.
9 - Não dirás falso testemunho contra o teu próximo.
10 - Não cobiçarás a casa do teu próximo, não cobiçarás a mulher do teu próximo, nem o seu servo, nem a sua serva, nem o seu boi, nem o seu jumento, nem coisa alguma do teu próximo.

A Igreja Católica resume-os assim:

1º - Amar a Deus sobre todas as coisas.                                                                                                      
2º - Não usar o Santo Nome de Deus em vão.                                                                 3º - Santificar domingo e festas de guarda.                                                                     4º - Honrar pai e mãe (e os outros legítimos superiores).                                               5º - Não matar (nem causar outro dano, no corpo ou na alma, a si mesmo ou ao próximo)                                                                                 
6º - Não adulterarás 
7º - Não furtarás                                                                                              
 8º - Não levantar falsos testemunhos (nem de qualquer outro modo faltar à verdade ou difamar o próximo).                                                             
9º - Não desejarás a mulher do próximo                                                                         10º- Não roubar do teu próximo

Observe que na apresentação Católica há a “abolição” do Segundo Mandamento que é compensada com a divisão do décimo mandamento em dois.

Por Fernando José.

Textos Complementares 1

Os motivos que induzem a obedecer a esta ordem são tomadas a partir de Deus que, sendo zeloso, não dá sua glória a nenhum outro, nem o seu louvor às imagens de escultura. Sua punição é severa contra os que fazem tais coisas, castigando até mesmo a posteridade deles que trilhará os seus passos; mas o amor e a misericórdia serão para com aqueles que observam o preceito (Isaías 42:8; Dt 32:21, 04:23, 24; 1 Reis 19:18).
GILL, John. Resumo dos Dez Mandamentos. Projeto Castelo Forte

Textos Complementares 2

Proíbe fabricar ídolos, para que o povo não seja tentado a servir a deuses falsos: é impossível representar o verdadeiro Deus com imagens ou ideias, que correm sempre o perigo de serem manipuladoras.
Comentário em Êxodo 20, vv. 3-6, no rodapé da Bíblia Sagrada – Ed. Pastoral.

Postar um comentário