sábado, 3 de dezembro de 2011

Pensamentos de um Inconformista (Bloco 8)




Fineza

Após receber a salvação do nosso Deus, desfrutando dos Seus dons e participando da ascensão que Ele proporciona, fineza utilizar a humildade!

Fernando José, em 02/02/2011.


Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material, desde que informe o autor. Não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.

sábado, 22 de outubro de 2011

Pensamentos de um Inconformista (Bloco 7)





O banho e o dom que temos


Tome banho, enxugue-se, use e abuse da toalha, mas, coloque-a para secar, lave-a no tempo certo...
Use seu dom, não abuse...
Ajoelha, ora... Recarregue as tuas energias. Não deixe a ferramenta enferrujar por falta de uso;
Alimente o dom, renove-o, pratique...


Por Fernando José, 22 de outubro/2011.



Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material, desde que informe o autor. Não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.



Pensamentos de um Inconformista (Bloco 6)



Vocação


Mude de situação, de posição...
Esteja em pé, sentado, ajoelhado, de cócoras, deitado...
Use a mão direita, também utilize a esquerda quando aquela cansar;
Endireite-se, ajeite-se ou desajeite-se...
Canse, descanse, durma,  acorde, inspire e respire...
Todavia, a vocação não será mudada



Por Fernando José, 22 DE OUTUBRO/2011.



Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material, desde que informe o autor. Não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.








sábado, 3 de setembro de 2011

Pensamentos de um Inconformista (Bloco 5)


"MUITOS PREGADORES, POUCOS OBSERVADORES;
MUITOS PREGADORES, POUCOS PENSADORES;
MUITOS PREGADORES, POUCOS REPARADORES;
MUITOS PREGADORES, POUCOS SOLUCIONADORES."

                                                                   
Por Fernando José, 03 DE SETEMBRO/2011



Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material, desde que informe o autor. Não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.

segunda-feira, 27 de junho de 2011

PRECISA-SE DE CANTORES GOSPEL! por Fernando José






Precisa-se de Cantores Gospel que sejam poetas, i.e., que tratem de assuntos relacionados a DEUS, de forma real... 
Precisa-se de Cantores Gospel que sejam filósofos, ou seja, que teórica e empiricamente expressem o conhecimento de DEUS... 
Precisamos de músicas que sejam expressões de louvor, que dêem ênfase ao amor cristão pelos inimigos; já que nos dias atuais os “hinos” só se referem a DEUS ‘derrubando os inimigos’, ‘passando a espada’, ‘destruindo os que não aceitam a nossa vitória’ e coisas semelhantes. 
Queremos hinos que nos ensinem sobre a paciência cristã; músicas que falem sobre a honestidade, sobre a responsabilidade social, ambiental, etc. Canções que lembrem os cristãos antigos (não me refiro aqui a ritmo, estilo...), a coragem deles, como explanava Justino Mártir (100 - 165 d.C.- filósofo e teólogo): “coragem diante da morte”. 
Há algo, também, que me incomoda: cantores (ou, levitas - como são denominados atualmente) que pelo fato de terem o “ministério de louvor” em mãos, afirmam ter um dom à parte da Palavra. Não lêem não se dedicam a estudá-la... Vai uma pergunta: DE ONDE OS COMPOSITORES CRISTÃOS “VÃO TIRAR” INSPIRAÇÃO PARA SEUS CÃNTICOS, SE NÃO PELA INSPIRADA E SUPERIOR FILOSOFIA, A BÍBLIA? 
Para uns, esse alerta é apenas mais um insulto de “gente encrenqueira”... Para outros, que estão atentos, são palavras de fé que, se aplicadas, nos ajudarão a explorar aquilo que é espiritual, bom, perfeito e agradável!

PAZ PRA TODOS VOCÊS...! 


por Fernando José.



Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material, desde que informe o autor. Não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.



segunda-feira, 13 de junho de 2011

O CRISTÃO E A ORAÇÃO, por Fernando José


               

                     
                          



                





“E ainda que tenhamos de viver em tendas como Abraão, ou na prisão como John Bunyan, autor de O Peregrino e A Peregrina, não importa, porque em qualquer lugar as janelas dos céus se abrirão derramando paz e felicidades  à nossa vida, porque em comunhão com o SENHOR, em qualquer lugar, será como estar num jardim”
  (Revista Compromisso, JUERP, 1° TRIM. 2002)


                                                           

                               MATEUS 6

  5 E, quando orardes, não sejais como os hipócritas; pois gostam de orar em pé nas sinagogas, e às esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade vos digo   que já receberam a sua recompensa.
6 Mas tu, quando orares, entra no teu quarto e, fechando a porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará.
7 E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios; porque pensam que pelo seu muito falar serão ouvidos.
8 Não vos assemelheis, pois, a eles; porque vosso Pai sabe o que vos é necessário, antes de vós lho pedirdes.
9 Portanto, orai vós deste modo: Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o teu nome;
10 venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu;
11 o pão nosso de cada dia nos dá hoje;
12 e perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós também temos perdoado aos nossos devedores;
13 e não nos deixes entrar em tentação; mas livra-nos do mal. [Porque teu é o reino e o poder, e a glória, para sempre, Amém.]



ORAÇÃO: O que é, como e quando deve ser realizada, seu modelo ideal, são tópicos a serem abordados a seguir...


O QUE É ORAR?

DE ACORDO COM A LÍNGUA PORTUGUESA ORAR É PEDIR, SUPLICAR, ROGAR. SEGUNDO O DICIONÁRIO VINE É SINÔNIMO DE INTERFERIR, MEDIAR... (heb. Pãlal)
OU AINDA, DESEJAR, PODER DESEJAR (gr. euchomai).


O MODELO IDEAL

O SENHOR JESUS DEIXOU CLARA DIFERENÇA ENTRE A ORAÇÃO PAGÃ E A DOS SEUS DISCÍPULOS, COMEÇANDO ASSIM: “E ORANDO NÃO USEIS DE VÃS REPETIÇÕES COMO OS GENTIOS...”; ESTAS PALAVRAS DO SENHOR REGISTRADAS EM MATEUS 6. 7 MOSTRA A DISPARIDADE DA CULTURA RELIGIOSA ROMANA POIS “ A ADORAÇÃO OFICIAL EM ROMA EXIGIA A REPETIÇÃO DE FÓRMULAS RELIGIOSAS MEMORIZADAS. SE O SACERDOTE COMETESSE UM ÚNICO ENGANO, TODO CULTO DEVERIA SER REPETIDO” (LAWRENCE   O.  RICHARDS: COMENTÁRIO HISTÓRICO-CULTURAL DO NOVO TESTAMENTO, P.31, CPAD/2008).
FALANDO EM MODELO IDEAL, LEMBRAMO-NOS DA ORAÇÃO MODELO: O PAI-NOSSO...



 “Pai nosso...” Deus, na Bíblia, é considerado como o Pai de Israel (Dt 32.6), Pai de todos os povos      (Ml 2.10), Pai de órfãos (SL 68.5). No N.T. temos explícito o ensino do Senhor: “todos vós sois irmãos” e “um só é o vosso Pai, o qual está nos céus” (Mt 23. 8,9). Os crentes em Cristo “receberam poder de serem feitos filhos de Deus”; Ele é o nosso Pai(Gr. pater), Ele nutre(alimenta):   “ ... o pão nosso de cada dia  dá-nos hoje.”. Ele sustenta/protege: “... livra-nos do mal;”


“... que estás nos céus...” No livro de Isaías está escrito: “... o céu é o meu trono...” (66.1). Trono é “assento elevado em que ficam os soberanos nas ocasiões solenes”. Neste trono, Deus, não está assentado apenas em algumas ocasiões importantes, mas sim, a todo o momento, pois, diz a palavra: “estás nos céus”; a todo o momento em que esta oração é feita, o presente do indicativo entra em ação: “Ele (Deus) está nos céus”... Veja: Salmos 102.19; Eclesiastes 5.2; Daniel 12.28;

“... santificado seja o teu nome.” Aqui, reconhecemos a santidade do SENHOR. Exaltamos sua pureza. Samuel 2. 2 ; Salmos 145.17 e Isaías 6.3.

“venha o teu Reino...” Um pedido: que a Monarquia, o Domínio de Deus seja transportado para o lugar em que estamos. Cristo falou sobre as regras desse reino, Paulo complementou listando algumas características: “... justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo”. (Rm 14. 17).

“seja feita a tua vontade, tanto na terra como no céu.” Vontade é decisão, desejo, escolha... Decisão de Deus. Desejo de Deus. Escolha de Deus. A vontade de Deus é boa, agradável e perfeita e deve ser experimentada (Rm 12. 2).

“perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores.” Para entendermos melhor esse trecho da oração recorreremos à parábola do credor incompassivo (Mt 18.23-35).

“... porque teu é o reino, e o poder e a glória, para sempre. Amém!” Ao término da Oração Modelo, pronunciamos, definitivamente, que de Deus é o Reino (SOBERANIA, PODER REAL, GOVERNO, DOMÍNIO), o Poder (CAPACIDADE, HABILIDADE, DESEJO, PROPÓSITO) e a glória    (HONRA, MANIFESTAÇÃO DE BRILHO/ESPLENDOR) Assim é e o será!


CONCLUINDO, as palavras de Cristo, acerca da oração são incisivas; para ele, os seus discípulos têm por obrigação ORAR (Lc 18.1) e, orando deverão levar em conta os requisitos supracitados.


Por Fernando José.



A publicação deste texto é livre, desde que citada a fonte e o endereço eletrônico da página do Blog O Inconformista.


sábado, 11 de junho de 2011

PALAVRAS DO INCONFORMISTA SOBRE O CENTENÁRIO (ASSEMBLÉIA DE DEUS), por Fernando José



           



Centenário da AD (1911 – 2011).


O Inconformista torna proveitoso o momento, prestando homenagem:


*** Às mulheres que oraram (e até hoje oram), pois, sem elas (nos Círculos de Oração da vida), não haveria “pentecoste”, avivamento, sucesso... Elas que sofreram  o vitupério de sua época (ser “evangélico”,  hoje, é fácil), pois, a AD sempre foi considerada como instituição de rígidos costumes (ainda que, nos dias atuais, se descobrem exageros,  radicalismo vão, etc.). A elas que pregaram, intercederam, aconselharam...


*** Aos homens, obreiros,  ministros que se dedicaram a esta épica obra; A eles que, com “teologia rasa” (ou, nenhuma), com pouco conhecimento, à parte, nos interiores, periferias, matas, sertões, em lugares afamados e desconhecidos... Àqueles que, na Obra trabalharam (e até mesmo se acidentaram) e não foram reconhecidos; Àqueles que se esforçaram, viajaram, desbravaram, sacrificaram, suaram, choraram, carregando a Preciosa Semente mas, por um motivo ou por outro foram esquecidos ( não desfaleçam, foi apenas falta de sensibilidade dos apáticos, Deus tudo vê...!).


*** Aos ‘in memoriam’, que se empenharam; ainda continuam como pedras vivas desta construção...Palavras (do Inconformista) que demonstram respeito/consideração a uma Escola, que merece preito, chamada ASSEMBLÉIA DE DEUS!                                                  



por Fernando José

sábado, 4 de junho de 2011

Pensamentos de um Inconformista (Bloco 4)

                             



ESPERANÇA E COOPERAÇÃO

 

 

ESPERANÇA

O povo de Deus, Israel, em sua trajetória, chegou a um período de transição; período (intertestamentário) em que este não via, nem ouvia algo ou alguma coisa oriunda do SENHOR, o Deus de Israel. Não havia profecia, visão, etc.!  Um período de silêncio... Nesse espaço de tempo, Israel perdeu a esperança, vindo,  com isso, desespero! Mas, naquele momento em que aquela pátria passou estas coisas (acompanhadas da sequidão espiritual) apareceu o RENOVO... O RENOVO trouxe ESPERANÇA onde não havia!

COOPERAÇÃO

O período que Israel viveu/enfrentou, contribuiu para o seu próprio bem: através desse fato surgiu a ESPERANÇA, a solução... O acontecimento gerou amadurecimento espiritual.

ESPERANÇA E COOPERAÇÃO

SAIBA, LEMBRE-SE:

**FALTANDO TUDO, AINDA HÁ ESPERANÇA.

**QUANDO SOBREVIEREM COISAS DE ENCONTRO A VOCÊ, “TODAS AS COISAS CONTRIBUEM PARA O BEM...”.

 

Por Fernando José, entre 2000 e 2001.


quinta-feira, 2 de junho de 2011

Pensamentos de um Inconformista (Bloco 3)

                                   




Casa Espiritual

1 Pedro 2:5


Vós também, como pedras vivas, sois edificados casa espiritual e sacerdócio santo, para oferecer sacrifícios espirituais agradáveis a Deus por Jesus Cristo. (Grifo nosso)



3 (três) considerações sobre “CASA”:


*** Em primeiro lugar é o mesmo que MORADA.

MORADA é o lugar onde se mora, lógico. Mas, tem algo importante, aqui, para observação. Preste a atenção “onde se mora”. Alguém mora, alguém se estabeleceu ou tem domínio sobre o termo “lugar”. Vejamos: Jesus respondeu, e disse-lhe: Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada.    (João 14. 23) Há prova de amor quando a palavra é guardada. Quando isto acontece (prova de amor), o amor de Deus entra em ação (“... meu Pai o amará...”). Quando há amor, há também o desejo de ficar próximo,  bem juntinho... Então se cumpre a palavra: “... e viremos para ele, e faremos nele morada.” Entendeu? Tu és MORADA de DEUS. Ele quer estar bem próximo a ti, juntinho. O desejo Dele é este: fazer MORADA em ti


*** 2ª consideração: Tem o sentido de “MANSÃO”

MANSÃO é uma grande e luxuosa morada. Isso quer dizer que além de sermos morada de DEUS temos um grandíssimo valor para Ele; É permitido dizermos que somos mansão de DEUS, porque Ele fez-nos grandes. Em nossa habita a riquezas de DEUS; somos ornamentados pelo SENHOR.

1 Samuel 2. 6-8

O SENHOR é o que tira a vida e a dá; faz descer à sepultura e faz tornar a subir dela.

O SENHOR empobrece e enriquece; abaixa e também exalta.

Levanta o pobre do pó, e desde o monturo exalta o necessitado, para fazê-lo assentar entre os príncipes, para fazê-lo herdar o trono de glória;


*** 3ª e última consideração: temos a ideia de “Lar”.

LAR é o lugar onde se mora com a família (ou terra natal). LAR pode ter o significado também de “A PRÓPRIA FAMÍLIA”. Observe: quem mora no lar, (na maioria das vezes) mora com a família. A família de DEUS é o seu povo.


Em suma, Deus mora em você e você faz parte dos Seus planos. Você é um complemento da família Dele e tem vital importância...

 Efésios 2.11-19

Portanto, lembrai-vos de que vós noutro tempo éreis gentios na carne, e chamados incircuncisão pelos que na carne se chamam circuncisão feita pela mão dos homens;

Que naquele tempo estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel, e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança, e sem Deus no mundo.

Mas agora em Cristo Jesus, vós, que antes estáveis longe, já pelo sangue de Cristo chegastes perto.

Porque ele é a nossa paz, o qual de ambos os povos fez um; e, derrubando a parede de separação que estava no meio,

Na sua carne desfez a inimizade, isto é, a lei dos mandamentos, que consistia em ordenanças, para criar em si mesmo dos dois um novo homem, fazendo a paz,

E pela cruz reconciliar ambos com Deus em um corpo, matando com ela as inimizades.

E, vindo, ele evangelizou a paz, a vós que estáveis longe, e aos que estavam perto;

Porque por ele ambos temos acesso ao Pai em um mesmo Espírito.

Assim que já não sois estrangeiros, nem forasteiros, mas concidadãos dos santos, e da família de Deus;


Por Fernando José, em  02 DE JUNHO/2011.






      

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Pensamentos de um Inconformista (Bloco 2)


                                               
                          

                                      

2  TIMÓTEO 1. 7

PELO SEU ESPÍRITO (Gr. Pneuma), DEUS, NÃO QUER QUE VENHAMOS:

**** RECEAR O PERIGO/MAL
**** TER INCERTEZAS/DÚVIDAS/TIMIDEZ...

PELO CONTRÁRIO, POR ELE (o Espírito), DEUS NOS CONCEDE:

AUTORIDADE,
FORÇA,
POSSIBILIDADE,
CAPACIDADE,
DISPOSIÇÃO,
AFEIÇÃO,
ENTUSIASMO,
RESPEITO,
HONRA,
PRUDÊNCIA,
TEMPERO,
GOVERNO.

QUE VENHAMOS TER CONHECIMENTO TEÓRICO E EMPÍRICO DO pneuma...!                                          



por Fernando José, 21 DE ABRIL/2011

domingo, 17 de abril de 2011

Pensamentos de um Inconformista (Bloco 1)

        


LUCAS 15. 4-7  

VIVEMOS "O EVANGELHO" QUE ELOGIA OS QUE SE ENCONTRAM NA ATIVA E NO PODER, ESQUECENDO-SE DAQUELES QUE, UM DIA, JÁ FORAM ALGUMA COISA, EM ALGUM LUGAR E QUE, AGORA, ESTÃO CAÍDOS  NA PASSIVIDADE DA VERDADEIRA VIDA... RESUMINDO: NO "NOSSO EVANGELHO" 99 (NOVENTA E NOVE)  É MAIS PRECIOSO, VOLUMOSO E MAIS FARTO QUE 01 (UM)!                              


 por Fernando José, em 17 ABRIL 2011






 

terça-feira, 8 de março de 2011

MENSAGEM PARA AS MULHERES