sábado, 11 de junho de 2011

PALAVRAS DO INCONFORMISTA SOBRE O CENTENÁRIO (ASSEMBLÉIA DE DEUS), por Fernando José



           



Centenário da AD (1911 – 2011).


O Inconformista torna proveitoso o momento, prestando homenagem:


*** Às mulheres que oraram (e até hoje oram), pois, sem elas (nos Círculos de Oração da vida), não haveria “pentecoste”, avivamento, sucesso... Elas que sofreram  o vitupério de sua época (ser “evangélico”,  hoje, é fácil), pois, a AD sempre foi considerada como instituição de rígidos costumes (ainda que, nos dias atuais, se descobrem exageros,  radicalismo vão, etc.). A elas que pregaram, intercederam, aconselharam...


*** Aos homens, obreiros,  ministros que se dedicaram a esta épica obra; A eles que, com “teologia rasa” (ou, nenhuma), com pouco conhecimento, à parte, nos interiores, periferias, matas, sertões, em lugares afamados e desconhecidos... Àqueles que, na Obra trabalharam (e até mesmo se acidentaram) e não foram reconhecidos; Àqueles que se esforçaram, viajaram, desbravaram, sacrificaram, suaram, choraram, carregando a Preciosa Semente mas, por um motivo ou por outro foram esquecidos ( não desfaleçam, foi apenas falta de sensibilidade dos apáticos, Deus tudo vê...!).


*** Aos ‘in memoriam’, que se empenharam; ainda continuam como pedras vivas desta construção...Palavras (do Inconformista) que demonstram respeito/consideração a uma Escola, que merece preito, chamada ASSEMBLÉIA DE DEUS!                                                  



por Fernando José
Postar um comentário